terça-feira, 15 de abril de 2014

Peniche recebeu a 1ª etapa do Circuito Nacional de SUP Race da Federação Portuguesa de SurfClicar C

Organização e atletas (Foto: Escola Rui Meira)
A “Capital da Onda”, Peniche, recebeu no passado dia 12 de Abril a 1ª Etapa do Circuito Nacional de SUP Race daFederação Portuguesa de Surf (FPS), inserida no Peniche Paddle Series, edição de 2014. A competição realizou-se na Albufeira do Rio de S. Domingos em Atouguia da Baleia.

Num ano de alteração de regulamentos e com a atribuição pela primeira vez na história do SUP em Portugal de títulos de campeão nacional nas classes de Sprint, Maratona e Race Técnico, e categorias de 14’, 12’6 e All Around, masculinos e femininos, a organização do Peniche Paddle Series inclui nos vários eventos todas as classes e categorias, tal como já tinha feito na edição de 2013.

Nesta edição foram introduzidas melhorias técnicas e de segurança, numa aposta forte da organização no SUP Race, reforçando o caracter pioneiro deste evento. 

Foram colocados spoters e juízes em locais estratégicos (em terra e dentro de barco e canoas) para controlo das viragens, draftingse outras infrações, câmaras de filmar na partida e meta, fotofinish e dupla cronometragem de forma a minimizar os erros. A segurança e embarcações de controlo tiveram o apoio dos Bombeiros Voluntários de Peniche e do Centro de Canoagem do Oeste (que gentilmente cederam as suas instalações para a realização do evento).

A competição teve início pelas 10h30m da manhã com a prova de Maratona, onde os atletas percorreram uma distância de 8.200 m, num percurso desenhado pela organização com o objetivo de levar os participantes a disfrutarem da fantástica envolvente da albufeira.

Na grelha de partida marcaram presença os nomes mais sonantes da modalidade em Portugal, masculinos e femininos, estando também presentes atletas provenientes de Espanha, Republica Checa e Itália.

Embora tenha sido a primeira etapa do ano, o nível dos competidores foi muito elevado e os lugares da grelha de chegada disputados de forma intensa.

Na prova de Maratona, José Cirilo, Riu Pedro Meira e Francesco Orsi, em 12’6 ocuparam os três primeiros lugares do pódio, tendo protagonizado uma intensa luta pelo primeiro lugar desde o início da prova. No final dos 8,2 km apenas dezanove segundos separaram o primeiro do terceiro classificados.

Nos femininos, a espanhola Marta Salaberri (1ª) e a atleta de referência e uma das pioneiras do SUP em Portugal, Isa Sebastião(2ª), não deram qualquer hipótese à sua concorrência, tendo também protagonizado um luta intensa até ao final, com apenas onze segundos a separar Marta de Isa. De destacar que estas atletas ficaram em 5º e 6º lugares na classificação geral, o que comprova o seu valor e forte nível competitivo.

José Cirilo e Marta Salaberri (Fotos: Alberto Carvalho)
A organização ofereceu um barbecue a todos os presentes, atletas, acompanhantes e público presente, dando ainda a oportunidade a todos de poderem interagir com os atletas e experimentarem a prática de SUP e canoagem, num ambiente de festa e descontração.

Depois do almoço, realizaram-se todas as mangas de Sprint e a respetiva final. Como em 2013 apenas houve uma prova de Sprint, exatamente na edição desta competição, foi utilizada essa classificação para efeitos de seeding.

Os suspeitos do costume dominaram esta classe. Rui Pedro Meira sairia vencedor numa final disputadíssima, com Francesco Orsi em segundo e José Cirilo em terceiro. Tiago Silva que não pode competir na Maratona, por estar a recuperar de uma gripe, ficou com o quarto lugar.

Nas meninas, Marta Salaberri e Isa Sebastião protagonizaram um duelo extraordinário, tendo Marta levado a melhor sobre Isa, com uma diferença de apenas dois segundos. Catarina Barroca e Rita Frade conquistaram os lugares seguintes do pódio.

As provas de Sprint foram realizadas em pranchas de Race todas iguais, da categoria 12'6", fornecidas pela Lokahi Portugal.

(Clicar na imagem para ver em grande)
Clicar na imagem para ver em grande)
A próxima etapa do circuito nacional será também em Peniche no próximo dia 17 de Maio.

O Peniche Surfing Clube e a Câmara Municipal de Peniche unem esforços pelo terceiro ano consecutivo e apresentam muitas novidades para a edição de 2014 do Peniche Paddle Series.
Em todas as etapas a organização disponibilizará pranchas para que todos possam experimentar esta modalidade, pelo que estão todos convidados para se juntarem a nós nesta grande festa.

Neste ano de 2014 o Peniche Paddle Series, é composto por uma série de 3 eventos de SUP Race inseridos no Circuito Nacional de SUP Race da FPS, a realizar em diversos pontos do concelho de Peniche e inclui a já mítica travessia Berlenga-Peniche, o Berlenga Ocean Challenge, e para além da prova de classe Maratona na Albufeira de S. Domingos, irá ainda incluir uma estreia nacional que promete tornar-se mais um clássico do SUP: uma prova surf-race técnico  - o BOP Peniche. Para além das provas de SUP, o Peniche Paddle Series 2014 irá contar também com  a 5ª Etapa do Circuito Nacional de Canoagem de Mar da Federação Portuguesa de Canoagem, para o qual se esperam mais de cem atletas.

Fotos: Alberto Carvalho
Dia 17 de Maio o Peniche SUP Racing realizar-se-á no Fosso da Muralha, situado no coração de Peniche, na zona nobre de turismo da cidade, nas classes de Sprint e Race Técnico.

Sprint Race – Prova de 200m com mangas de 2 a 4 atletas cada, em formato de eliminatórias até apurar os finalistas. Um deles será o vencedor.

Race Técnico – Prova de 5200m de extensão com várias boias que os atletas têm de contornar obrigatoriamente. Todos os atletas participam na prova ao mesmo tempo, apurando-se o resultado final em função dos tempos realizados.

Dia 21 de Junho rumaremos até à ilha da Berlenga, Reserva Natural de beleza inquestionável, tendo sido considerada Reserva Mundial da Biosfera da Unesco no ano de 2011, para um desafio só para os mais resistentes, física e psicologicamente, para oBerlenga Ocean Challenge.

Simultaneamente decorrerá a 5ª Etapa do Circuito Nacional de Canoagem de Mar da Federação Portuguesa de Canoagem, prova com um elevado grau de espetacularidade onde se esperam cerca de cem participantes, que realizarão um exigente percurso de 15 km.

Coragem, Determinação, Persistência e Superação são as principais características daqueles que procuram participar neste exigente desafio.
Trata-se de uma prova espetacular e só ao alcance de alguns, devido ao elevado grau de exigência física e psicológica.

Para finalizar o Peniche Paddle Series, edição de 2014, 22 de Junho será o dia do Battle Of Peniche, uma prova de race técnico que terá lugar na zona de rebentação entre as praias do Molhe Leste e Supertubos, à imagem de uma das mais míticas provas do mundo do SUP, o Battle Of the Paddle realizada na Califórnia.

No Battle Of Peniche os atletas competirão ao longo de uma distância aproximada de 5.460m utilizando pranchas que chegam ao 4,5m, tendo de contornar diversas boias, sendo que uma delas está posicionada na areia, obrigando os atletas a correr no areal e a regressar ao mar, por mais de uma vez em formato de circuito.

O espetáculo é garantido. Será esta uma nova estrela do SUP Race nacional?

A expectativa é grande sobre quem será o grande vencedor do Peniche Paddle Series?

O Peniche Paddle Series é uma coorganização do Peniche Surfing Clube e da Câmara Municipal de Peniche, com o apoio dos Bombeiros Voluntários de Peniche, do Centro de Canoagem do Oeste, Clube Naval de Peniche, da Rip Curl, Ideias Aventuras, Águas do Vimeiro e Lokahi Portugal