segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Primeira Benção dos Surfistas vai acontecer no Baleal

Dia 9 de Novembro, nas Festas de Santo Estêvão


A primeira Bênção dos Surfistas realizada em Portugal e, provavelmente, no mundo, vai ter lugar no Baleal. Este evento único não poderia ocorrer noutra praia. Situado no Concelho de Peniche, já conhecido como “Capital da Onda” e palco de uma das maiores competições mundiais de surf, o Baleal é das melhores praias do país para a prática e aprendizagem de surf, bodyboard e SUP (Stand Up Paddle). 

Prova disso é o crescimento de negócios ligados a estas modalidades ao longo dos últimos anos: surfcamps, escolas, aluguer de material, surfshops, hotéis e hostels vocacionados para este mercado que não pára de crescer. Milhares de turistas de todo o mundo visitam o Baleal doze meses por ano para aprender e praticar surf, sendo raro o dia em que não encontramos dezenas de surfistas dentro de água. O envolvimento deste novo sector desportivo e económico com a comunidade tem sido cada vez maior e o ressurgimento das quase extintas Festas de Santo Estêvão deve-se, sobretudo, ao apoio de negócios ligados ao surf.

A Bênção dos Surfistas terá lugar no sábado, dia 9 de Novembro, às 15h00, enquadrada na Procissão à volta da Ilha do Baleal, o ponto alto destas Festas. Os surfistas terão oportunidade de pedir protecção e agradecer as boas ondas e os bons momentos que passam em comunhão com a natureza.

AS FESTAS DE SANTO ESTÊVÃO

As Festas de Santo Estêvão são uma tradição ancestral que esteve décadas sem se realizar. Por altura do São Martinho reuniam-se no Baleal famílias de localidades vizinhas, que aí vinham gozar férias após a época das vindimas. No dia de São Martinho faziam uma procissão à volta da Ilha do Baleal, consagrada a Santo Estêvão, padroeiro da ermida local. E à noite tinha lugar o tradicional magusto seguido de bailarico.

De há cinco anos para cá a tradição foi retomada, com o apoio de negócios locais, ligados sobretudo ao surf, um desporto que cada vez mais tem vindo a dinamizar a economia local.

Com os lucros obtidos foi possível financiar o restauro das imagens de Santo Estêvão e Nossa Senhora das Mercês, peças do século XVI guardadas na ermida da ilha e que já apresentavam sinais de elevada degradação.

PROGRAMA

Sexta, dia 8 de Novembro:
A partir das 22h: Quermesse, Magusto, baile com a acordeonista Sara Pessoa

Sábado, dia 9 de Novembro:
15h: Missa na capela de Santo Estêvão seguida de Procissão à volta da ilha e Benção dos Surfistas
22h: Quermesse e baile com o Conjunto Nautilus
ERMIDA DE SANTO ESTÊVÃO

A Ermida de S. Estêvão, na península do Baleal, é um pequeno templo edificado na rocha, possivelmente datado do séc. XVI ou XVII. Apresenta uma fachada de carácter populista e o interior é de uma só nave. Nela é venerada, a par de Santo Estêvão, Nossa Senhora das Mercês, cuja imagem se encontra associada a uma interessante lenda. Esta ermida foi, recentemente, alvo de intervenção de recuperação.

ELEMENTOS DE INTERESSE:

Revestimento de azulejo seiscentista e setecentista.

Facebook:

Sem comentários: