terça-feira, 7 de agosto de 2012

GRANDELA VENCE SUP CUP NO SANTA CRUZ OCEAN SPIRIT 2012

GRANDELA VENCE SUP CUP NO SANTA CRUZ OCEAN SPIRIT 2012

ANITA LINO SOBE AO PODIO E DANIEL FONSECA É QUINTO NO VERT PRO/AM, prova que contou com o actual campeão do mundo


Entre os dias 27 de Julho e 05 de Agosto decorreu mais uma edição, a sexta, do Santa Cruz Ocean Spirit (SCOS), Festival Internacional de Desportos de Ondas e Música, desta vez nas areias da Praia do Mirante. Este ano, como em anos anteriores, o evento integrou uma etapa do Circuito Nacional de Kayaksurf & Waveski 2012, cuja primeira etapa se realizou em Peniche, voltou a contar com o Campeonato de Bodyboard VERT Pro/Am, com um novo e interessante formato, e ainda com uma competição designada WATERMAN WANTED, na qual os atletas procuravam acumular pontos num conjunto de oito modalidades em disputa. Nesta, ao longo da semana os competidores tiveram, de num máximo de quatro heats surfados por modalidade, apurar-se para as finalíssimas de domingo.

VERT PRO/AM
Foram três os bodyboarders do Peniche Surf Clube que responderam à chamada das ondas de Santa Cruz: Anita Lino (Feminino), Hugo Santos (Open) e Daniel Fonseca (Open), juntando-se a nomes ‘grandes’ do desporto como Rita Pires, Catarina Sousa, Ricardo Faustino, Nuno Leitão (Batata), António Cardoso, e ainda o actual campeão do mundo, o francês Pierre-Louis Costes. Na competição feminina, e no somatório das duas primeiras mangas, Anita Lino conseguiu obter pontos suficientes para ser uma das quatro finalistas, juntamente com Catarina Sousa, Rita Pires e Mariana Machado. Na finalíssima, logrou alcançar a última posição do pódio, terceiro lugar, numa competição vencida pela bodyboarder mais titulada em Portugal, Rita Pires, e atrás de Catarina Sousa, campeã europeia por Portugal em 2011.
Na competição Open Pro/Am, Hugo Santos e Daniel Fonseca obtiveram resultados distintos entre os 41 participantes. Enquanto Hugo Santos (20º), não conseguiu ultrapassar a primeira ronda de qualificação, em que precisava estar entre os doze melhores no somatório dos scores das duas mangas nesta fase, fechou o Top 20 da prova. Já Daniel Fonseca, conseguiu ser um dos doze apurados (7º) para a ronda final de apuramento. Destes, apenas os quatro primeiros alcançariam a Finalíssima, ao adicionarem a pontuação na ronda à obtida antes. Aqui o Daniel obteve o terceiro melhor score (13,75), apenas atrás dos obtidos pelo campeão do mundo de 2011, o francês Pierre-Louis Costes e do de Nicolas Rosner. Contudo, ficou mesmo ‘à porta’ da finalíssima (5º) a apenas 1,30pts de António Cardoso. Nas palavras do Daniel, ainda assim, feliz pelo resultado: “Foi mesmo o score mais baixo que tive na segunda manga que me prejudicou.”, ele que havia obtido o quinto melhor (12,90) na primeira manga.
Na finalíssima, a prova que havia sido totalmente dominada nas rondas de qualificação pelo campeão do mundo, o vencedor acabou sendo o bodyboarder nortenho Ricardo Faustino (15,15), deixando Pierre-Louis Costes (13,90) na segunda posição, seguido de Nicolas Rosner (12,20) e António Cardoso (10,50).

WATERMAN WANTED
Nesta competição composta por oito modalidades (cups): Surf, Bodyboard, Kayaksurf, Waveski, Kitesurf, Windsurf, Longboard e Stand-Up Paddle Surf (SUP), os participantes, podendo participar em todas, obtinham a sua classificação na soma dos três melhores resultados. O WATERMAN foi João Brogueira e o vice-campeão o basco Edu Etxeberria.
A SUP Cup, contou com a participação dos surfistas Bruno Grandela e Filipe Anjos, do Peniche Surf Clube. Bruno Grandela conseguiu em apenas duas baterias realizadas na quinta-feira o apuramento, em segundo lugar, para as finalíssimas de domingo, ao passo que Filipe Anjos, não conseguiu alcançar o Top 8 de acesso às mesmas.
No último dia do evento, na fase decisiva Grandela não deu hipótese à concorrência, dominando a sua meia-final (11,25) e deixando os adversários na final a precisar de combinação, vencendo de forma clara a SUP Cup do Santa Cruz Ocean Spirit 2012: 1º Bruno Grandela (17,00); 2º Arnaut Dussen (10,40); 3º Jed Graça (8,20); 4º Paulo Ferreira (4,00).

Sem comentários: