segunda-feira, 27 de abril de 2009

Circuito de Surf de Peniche'09: Marco Silva vence 1ª etapa


CIRCUITO DE SURF DE PENICHE 2009
sponsored by:
1ª de 4 etapas
25 e 26 ABRIL

Domingo, 26 de Abril, 2º dia de competição na 1ª etapa do Circuito de Surf de Peniche 2009, na praia de Supertubos, amanheceu com ondas de metro e meio e vento off-shore, prometendo um dia de tubos e boas prestações.

E a verdade é que foi isso mesmo que aconteceu, com os surfistas empenhados na procura das ondas mais tubulares, sendo Dane Hall (na foto acima), surfista inglês residente em Peniche e atleta do PPSC, quem mais espetáculo deu neste particular, com dois grandes tubos no seu heat dos ¼ final, sendo também um dos destaques da prova ao alcançar as finais quer em Júnior, quer na competitiva categoria OPEN.

 

JUNIOR (Sub-20)

A categoria Júnior, depois de já disputadas as duas mangas da primeira fase no dia anterior, entrou neste dia nas meias-finais. Na 1ª meia-final foram António Ribeiro (2º) e João Durão (1º) que deixaram para trás o José Bebianno, ao passo que na 2ª meia-final, foi Miguel Oliveira, que não resistiu ao surf de António Faria (2º) e do ‘endiabrado’ Dane Hall, e ficou pelo caminho.

Na Final, João Durão, com 4,90 pontos, e António Faria, com 4,85 pontos, não encontraram as melhores ondas e nunca estiveram em posição de discutir a bateria. A disputa pela vitória esteve reservada para Dane Hall e António Ribeiro (na foto). 

Aqui, o António levou a melhor e com duas ondas fortes de 7,50 e 7,00 pontos, conseguiu um score seguro de 14,50 pontos e bateu o Dane, com 12,15 (6,40+5,75) pontos. Os quatro finalistas receberam troféus oferecidos pela Câmara Municipal de Peniche, ficando também isentos do valor da inscrição na próxima etapa.


1º António Ribeiro

2º Dane Hall

3º João Durão

4º António Faria

 

MASTERS (Over-35)

Categoria novidade no circuito deste ano, com o objectivo de trazer às provas a ‘velha’ geração do surf, podendo ter na praia durante cada prova os mais novos e os mais velhos surfistas, num ambiente de saudável confraternização. E esse ambiente foi traduzido em boa disposição, mas também numa luta acesa pela competição. Neste último dia de prova, faltava ainda disputar a segunda manga da primeira fase, para apurar os semi-finalistas.

Nas meias-finais, primeiro foram Jorge Cação (2º) e Acácio Grandela ‘Lelé’ (1º) a eliminar Hugo Amado, e depois, Valeriano Pego ‘Valara’ (2º) e António Leopoldo (1º) (na foto) deixaram para trás Hugo Cartaxana.

Na final, Jorge Cação, foi melhor que a concorrência e com score de 12,00 (6,50+5,50) pontos deixou para trás o Acácio Grandela ‘Lelé’ (8,65), que entre Open e Masters surfou em 6 baterias! Em 3ª e 4º lugar ficaram Valeriano Pego ‘Valara’ (5,65) e o António Leopoldo (5,20), respectivamente.

Os quatro finalistas receberam troféus oferecidos pela Câmara Municipal de Peniche.

1º Jorge Cação (na foto)

2º Acácio Grandela ‘Lelé’

3º Valeriano Pego ‘Valara’

4º António Leopoldo

 

OPEN

Logo ao início da manhã disputou-se a terceira ronda da competição, com quatro baterias de quatro competidores cada, para apurar os 8 melhores surfistas que iriam disputar os quartos-de-final man-on-man.

Aí, nos quartos-de-final man-on-man, na primeira bateria, foi o Francisco Cruz que bateu o júnior António Ribeiro, ao conseguir totalizar 8,40 (5,00+3,40) pontos contra 7,90 (4,10+3,80) pontos do António. Seguidamente, veio o heat de maior espetáculo do campeonato com Dane Hall a alcançar, logo na primeira onda da bateria nota máxima de 10,00 pontos, depois de realizar o melhor tubo da prova, seguido de outro grande tubo na sua terceira onda, onde conseguiu um 8,50 pontos. Totalizou assim 18,50 em 20,00 pontos possíveis, deixando para trás Acácio Grandela ‘Lelé’ com apenas 8,00 pontos. 

No terceiro ¼ final, Marco Silva, o surfista PPSC melhor classificado no Nacional de Surf em 2008, bateu o Campeão de Surf de Peniche 2008, Nuno Silva (na foto), com score de 10,60 (7,00+3,60) pontos contra 8,75 (4,85+3,90) do Nuno. Na última bateria da ronda, Diogo Gonçalves encontrou um bom tubo na sua segunda onda (6,50), do heat, e ganhou uma vantagem inicial sobre o Pedro Santos ‘Kid’, que não encontrou as melhores ondas, acabando o Diogo por conseguir vencer o heat com score de 11,75 (6,50+5,25), avançando assim para as meias-finais. O ‘Kid’ terminou a bateria com 7,00 (4,00+3,00) pontos de score.

# 1 Francisco Cruz (8,40) vs António Ribeiro (7,90)

# 2 Dane Hall (18,50) vs Acácio Grandela ‘Lelé’ (8,00)

# 3 Marco Silva (10,60) vs Nuno Silva (8,75)

# 4 Diogo Gonçalves (11,75) vs Pedro Santos ‘Kid’ (7,00)


Nas meias-finais, a primeira bateria opôs o Francisco Cruz ao Dane Hall (na foto). O inglês residente em Peniche, embalado pelo extraordinário heat da ronda anterior, arrancou logo um 8,00 pontos na primeira onda que lhe deu vantagem sobre o Francisco, que apesar das boas ondas que realizou, 6,40 e 5,75, totalizando 12,15 pontos, não foram suficientes para ultrapassar o Dane, cuja segunda melhor onda, de 6,25 lhe permitiu totalizar 14,25 pontos, e avançar para a desejada final. No segundo heat da ronda, onde se disputava o outro lugar na final, a luta foi renhida até à última. Perto do final, Marco Silva liderava a bateria com 12,95 (6,75+6,20) pontos o que deixava Diogo Gonçalves a precisar de uma onda de 6,95 pontos para passar para a frente. Na sua última onda, o Diogo ficou mesmo ‘à justa’, ao conseguir 6,90 pontos, ficando a 0,05 pontos de vencer a bateria ao terminar com 12,90 (6,90+6,00) pontos.

# 1 Dane Hall (14,25) vs Francisco Cruz (12,15)

# 2 Marco Silva (12,95) vs Diogo Gonçalves (12,90)


Na grande Final OPEN, disputada já com a maré um pouco cheia, não haviam tantas ondas tubulares mas, ainda assim, foi uma final disputada até à última onda. Acabou por ser uma final disputada porque o Marco Silva conseguiu, de forma inteligente, numa situação em que tinha a prioridade no heat, ‘sacar’ uma interferência ao inglês. Dane Hall, que após a interferência fez a melhor onda da bateria (7,25), para juntar ao 5,00 pontos que já detinha ficava assim com score de 9,75, dado que, com a interferência a pontuação da sua segunda melhor onda é reduzida para metade. 

Ainda assim liderou a bateria durante algum tempo, enquanto o Marco Silva (na foto) precisava de uma onda de 4,90 pontos para passar para primeiro. O Marco conseguiu depois uma onda de 5,00 pontos que o colocou na frente com score de 9,85 (5,00+4,85) pontos. Até final, o Dane não encontrou a onda certa para obter o 5,20 pontos que precisava, e terminou em 2º lugar, sendo Marco Silva (na foto abaixo) o grande vencedor desta etapa.

# 1 Marco Silva (9,85) vs Dane Hall (9,75)

Os quatro primeiros classificados receberão troféus oferecidos pela Câmara Municipal de Peniche. O vencedor recebeu ainda prize-money de 50 euros e uma estadia gratuita na neve, em Andorra, oferta da agência de viagens SlideIn.Travel. Segundo e terceiros classificados receberam também prize-money, de 30 e 20 euros, respectivamente, numa cerimónia de entrega de prémios honrada com a presença do Ex.mo Sr. Presidente da Câmara Municipal de Peniche, António José Correia.

1º Marco Silva

2º Dane Hall

3º Francisco Cruz

4º Diogo Gonçalves

 

Melhor onda: Dane Hall - 10,00 pts (Round 4 - heat 02)

Melhor score: Dane Hall - 8,50 pts (Round 4 - heat 02)


Os grandes parceiros do Circuito de Surf de Peniche são a RIP CURL, Câmara Municipal de Peniche e a agência de viagens SlideIn.Travel. Esta etapa contou ainda com os importantes apoios: 58 Surf Shop, Peniche Surf Camp, Baleal Surf Camp, Maximum Surf Camp, SurfCastle Surf Camp, Bocaxica Surf, Seven Days Surf Shop, SPO Surfboards, Koala Surfboards, Fatum Surfboards, Wax OAM, Prainha Bar-Restaurante, Bigodes Bar, Bar da Praia, Taberna dos Almocrebes, Frutas O Melro, e ainda os apoios de Surfing Baleal Surf Camp, Danau Bar, Bar d’ilha, Peniche Surf Shop, Baleal Shop, Café O Búzio, Ginásio ReFísca, e JDClamo Publicidade.

Os media partners locais são a 102FM Rádio, Jornal Correio Popular de Peniche e Jornal de Peniche online.

Toda a informação sobre o Península de Peniche Surf, no Blog do clube em http://peninsulapenichesurfclube.blogspot.com/

Fotos:

1 - Tubo nota 10 de Dane Hall (click TBRANCO)

2 - O vencedor júnior António Ribeiro (click TBRANCO)

3 - 4 finalistas Junior (click João Rosa)

4 - Cut-back de António Leopoldo 'Léo' (click TBRANCO)

5 - Jorge Cação, vencedor Masters (click João Rosa)

6 - Tubo 'clean' de Nuno Silva (click TBRANCO)

7 - outro tubo, Dane Hall (click TBRANCO)

8 - Boa rasgada de Marco Silva, vencedor Open (click TBRANCO)

9 - Top 4 Open (click João Rosa)

10 - Foto de 'família' (click TBRANCO)

Aqui poderás ver o slide-show de todas as fotos realizadas pelo fotógrafo do campeonato TBRANCO http://sites.google.com/site/wwwtbrankpt/circuito-ppsc-2009

sexta-feira, 24 de abril de 2009

1ª etapa Circuito de Surf de Peniche 2009 - 1º dia Supertubos


CIRCUITO DE SURF DE PENICHE 2009
sponsored by:
1ª de 4 etapas
25 e 26 ABRIL

Teve início este sábado, dia 25 de Abril, a 1ª de 4 etapas do Circuito de Surf de Peniche, na Praia de Supertubos. Ondas de metro e meio, com alguns sets a chegar a dois metros, com vento side-shore (NW) foi o ‘cartão de visita’ durante a manhã de competição, para os mais de 50 competidores presentes na praia.

A prova iniciou-se às 11h00 com a categoria Open e, ainda que a direcção do vento não fosse a ideal, entraram boas ondas durante o período da manhã, com os surfistas a realizarem alguns bons tubos, com destaque para os realizados por Acácio Grandela ‘Lelé’ e Diogo Gonçalves (na foto).

 

JUNIOR

Neste primeiro dia de prova foram disputadas as duas mangas da 1ª fase da categoria, destacando-se António Ribeiro que conseguiu um score de 12,50 pontos na 1ª manga da sua bateria, e Miguel Oliveira, que com um score de 14,25 pontos, obtidos com ondas de 7,25 e 7,00 pontos, não só foi destaque nos Júnior como do dia, ao realizar a pontuação de bateria mais elevada.


MASTER

Foi disputada apenas a 1ª manga da 1ª fase, e foi Jorge Cação (na foto), que surpreendentemente foi eliminado logo no 1º heat de Open, a obter o score mais elevado, com 9,50 pontos.


OPEN

Na principal categoria da prova foram realizadas as duas primeiras rondas, correspondente à ronda inicial e ao looser round, onde competem os atletas qualficados em 2º e 3º lugar na fase anterior..

A destacar neste dia, os tubos de Acácio Grandela ‘Lelé’ (na foto) e Diogo Gonçalves e ainda as boas ondas de Marco Silva, que foi o melhor atleta PPSC em 2008, no Circuito Nacional de Surf, e Luís Castanheira, ao obterem scores de 12,50 e 13,85 pontos, respectivamente.

Destaque ainda para a surfista Filipa Prudêncio (na foto), a única atleta feminina a participar na competição Open e a surpreender, ao conseguiur qualificar-se no para a 3ª ronda da prova.

Para domingo, segundo dia de competição, o check-in está marcado para as 08.15 da manhã, com início previsto para 15 minutos depois, em Supertubos, havendo a expectativa de boas ondas, com o vento a acertar para off-shore.

Melhor onda: Luís Castanheira - 7,50 pts (OPEN Round 2 - Heat 01)

Melhor Score: Miguel Oliveira - 14,25 pts (7,25+7,00) (JUNIOR Round 01 - Heat 03)

Fotos por TBRANCO

quinta-feira, 23 de abril de 2009

Bodyboard: Ricardo Rico perde no 2º round do Mundial no Brasil

O segundo round da etapa do Mundial de Bodyboard a decorrer no estado brasileiro de Santa Catarina, iniciou-se esta manhã, vindo bodyboarder de Peniche Ricardo Rico a competir na 6ª bateria da ronda, com condições difíceis de mar desordenado e vento on-shore.
Infelizmente, Ricardo terminou a bateria em 3º lugar e eliminado da prova, quando precisava de uma onda de apenas 2,60 pontos. Totalizou 5,90 pontos (4,40+1,50) para chegar ao 2ª posto e avançar à fase seguinte.
Round 2
Heat #06
1º Fábio Rodrigues CE - 9,75 pts (5,00+ 4,75)
2º Tiago Abul ES - 7,00 pts (4,00+3,00)
3º Ricardo Rico PRT - 5,90 pts (4,40+1,50)
4º Abner Scoppetta SP - 5,50 pts (4,50+1,00)

Protocolo PPSC - REFÍSICA Ginásio

Conscientes de que o sucesso dos nossos surfistas e bodyboarders, nos exigentes campeonatos nacionais e internacionais passa, não só pelos seus treinos dentro de água, desfrutando das excelentes condições que as praias de Peniche oferecem, mas também pelo desenvolvimento e manutenção de capacidades físicas específicas que lhes permitam evoluir ainda mais, o Península de Peniche Surf Clube associa-se a REFÍSICA Ginásio, em Peniche, estabelecendo um protocolo de livre utilização das instalações do ginásio, pelos atletas do clube que se encontram a disputar provas nacionais e internacionais.

REFÍSICA Ginásio assume-se assim como um parceiro do Península de Peniche Surf Clube, e dos seus atletas, mas também da cidade de Peniche, na certeza de que a parceria agora estabelecida só poderá trazer a todos valor acrescentado, pois os bodyboarders e surfistas em competição estarão melhor capacitados para alcançar os seus objectivos e levar ainda mais longe o nome de Peniche, potenciando o seu estatuto de Capital da Onda.

As condições de participação dos atletas e associados do PPSC será, brevemente, publicada neste Blog, e enviada por e-mail para todos os associados.

Surf: Nuno Silva de fora no WQS 6*

Começou dia 21, na Praia do Guincho, o ESTORIL QUIKSILVER PRO, evento do circuito mundial de qualificação (WQS) da “Association of Surfing Professional” (ASP) com a cotação de seis estrelas.

Com ondas de metro a metro e meio e o tradicional vento do Guincho sempre presente, foram muitos os portugueses a irem para a água no “round” 1 deste evento, entre eles o representante de Peniche e surfista do Península de Peniche Surf Clube, Nuno Silva.

Competindo no “heat” 6 deste primeiro “round”, Nuno Silva teve como oponentes: Geoffroy Henno (1º) de França, Tiguinha Lima (2º) do Brasil e Melvin Lipke (3º) defendendo as cores da Alemanha.

Infelizmente, e com as difíceis condições, o Nuno nunca conseguiu encontrar as boas ondas que tinha feito no free surf, e infelizmente, terminou a bateria em 4º lugar e eliminado da competição.


quarta-feira, 22 de abril de 2009

Bodyboard: Rico avança na etapa do Mundial no Brasil

Debaixo de muita chuva, o Katherine Melo Bodyboarding Pro 2009, etapa do Circuito Mundial de Bodyboard, iniciou-se esta quarta-feira, 22 de Abril, em Balneário Camboriú, no Estado de Santa Catarina, Brasil. Com ondas ainda pequenas de meio metro de altura na Praia do Estaleirinho, foram realizadas as oito baterias da primeira fase masculina, e as principais estrelas entram só amanhã, quinta-feira quando for para a água o Round 2.
Ricardo Rico, atleta do PPSC competiu e venceu a sua bateria no Round 1 e avançou para a fase seguinte da prova. Ricardo fez a melhor onda da bateria e conseguiu um score de 11,00 pontos (6,50+4,50), deixando em 2º Junior Silva (Bra) com 10,50 pontos (5,25+5,25), e em 3º e eliminado da prova, o norte-americano Dan Worley com apenas 6,75 pontos (3,50+3,25). Amanhã, compete no heat 6 da 2ª ronda.

Round 2
Heat #6
Fábio Rodrigues CE
Abner Scoppetta SP
Ricardo Rico PRT
Thiago Abul ES

terça-feira, 21 de abril de 2009

Circuito de SURF de Peniche: 1ª etapa já este fim-de-semana

CIRCUITO DE SURF DE PENICHE 2009
sponsored by:
1ª de 4 etapas
25 e 26 ABRIL


A competição estará aberta nas seguintes categorias: 
OPENhomens e mulheres de qualquer idade;
JUNIOR - sub20: homens e mulheres com 20 anos ou menos;
MASTERS - over35: homens e mulheres com 35 anos ou mais

O Circuito de Surf que contará com 4 etapas, ao longo do ano, atribuindo PRIZE MONEY aos quatro primeiros da categoria OPEN, por etapa, e tendo como principais prémios de final de circuito: 1 VIAGEM e PRANCHAS DE SURF, entre outros. Referência ainda para a categoria JUNIOR, onde os quatro primeiros ganham direito a inscrição grátis na etapa seguinte.

De referir que em todas as categorias, os formatos de competição, e dependendo do número de inscritos, permitirão que os atletas entrem na água pelo menos duas vezes, com a introdução de sistema 'dupla-vida' na 1ª fase. Para tornar ainda mais aliciante a competição, as fases finais da categoria Open serão disputadas em sistema 'man-on-man', com apenas 2 atletas por heat. Apesar de vir a existir circuito dedicado, exclusivamente, ao feminino, todas as bodyboarders estão também convidadas a participar.

As inscrições são limitadas, e validadas por ordem de chegada ao e-mail: inscricoesppsc@gmail.com, devendo o mail conter: Nome, Categoria(s), Data de nascimento e contacto telefónico, ou pelos telefones: 965 851 515 / 969 901 469

Os valores de inscrição são os seguintes, para associados PPSC com quota 2009 regularizada (10.00€):
OPEN: 15.00€
JUNIOR: 10.00€
MASTERS: 5.00€
A estes valores acresce 5.00€ para seguro desportivo para atletas não federados, na Federação Portuguesa de Surf.
Atletas federados por outro clube, deverão trazer o respectivo cartão de federado.

Os atletas inscritos na prova têm direito a campismo gratuito no Parque de Campismo Municipal.

A prova é homologada pela Federação Portuguesa de Surf, estando assegurado julgamento profissional por um painel de juizes certificado.

segunda-feira, 20 de abril de 2009

1ª etapa Circuito de Bodyboard de Peniche: SuperTUBOS!!


sponsored by RIP CURL, MUNÍCIPIO DE PENICHE e SLIDEIN.TRAVEL

18 e 19 de Abril

1ª de 4 etapas

Domingo, 19 de Abril de 2009, SUPERTUBOS foi a palavra de ordem no 2º dia da 1ª etapa do Circuito de Bodyboard de Peniche 2009. A praia fez juz ao seu nome e presenteou os bodyboarders presentes na prova, e o público, com excelentes ondas entre metro e metro e meio off-shore, e coube aos competidores o completar do espetáculo, com muitos tubos, muitas manobras aéreas e muita atitude.

A destacar o ambiente de saudável desportivismo entre os bodyboarders, apesar das baterias a ‘doer’ que se disputaram, como uma das meias-finais man-on-man Open, que opôs ‘apenas’ os dois últimos Campeões Europeus de Bodyboard, Silvano Lourenço (2007) e Manuel Centeno (2008).

Foi mesmo um ‘show’ de Bodyboard este dia de competição, com quase 20 ondas a serem pontuadas na casa do Excelente, com destaque para a pontuação máxima numa onda (10.00 pontos) obtida pelo Luís Coelho, no seu heat dos quartos-de-final man-on-man, e ainda para o 9.93 pontos conseguidos numa onda, também, dos quartos-de-final man-on-man, pelo Manuel Centeno.


Juniors (sub-20)

Na competição júnior, começou-se o dia com a 2ª manga das meias-finais, que viria a definir os 4 finalistas desta categoria: António Cardoso, Gualter Correia, Daniel Fonseca e Telmo Soares. Os jovens bodyboarders aproveitaram bem as belíssimas ondas e numa final muito disputada foi o António Cardoso (na foto), da Nazaré, a levar a melhor sobre os locais, e com score de 13,27 (7,50+5,77) pontos, venceu esta primeira etapa. Gualter Correia ficou muito próximo com 13,10 (7,60+5,50) pontos na 2ª posição. Em 3º ficou o Daniel Fonseca com 11,77 pontos e na 4ª posição, com apenas 4,60 pontos, ficou o Telmo Soares.

O vencedor recebeu a mini-prancha Refresh Bodyboards, e os restantes finalistas troféus oferecidos pela Câmara Municipal de Peniche. Os quatro finalistas, como prémio, ficam também isentos do valor da inscrição na próxima etapa.

 

Masters (over-30)

Esta categoria foi uma das novidades apresentadas este ano nas provas do Península de Peniche Surf Clube, com o objectivo de trazer de volta às provas os bodyboarders mais velhos e já menos habituados às lides das competições. E revelou-se um sucesso com muitos a comparecerem e a proporcionar bom ambiente entre nova e velha geração.

Na final foi André Delgado que se sagrou vencedor, com score de 9,17 (7,17+2,00) superando Armindo Boto, na 2ª posição, Anita Lino em 3ª e Décio Ramos em 4º.

O vencedor recebeu a mini-prancha Refresh Bodyboards, e os restantes finalistas troféus oferecidos pela Câmara Municipal de Peniche.

 

OPEN

A categoria onde a competição e o espetáculo estiveram, realmente, ao rubro com baterias man-on-man desde os quartos-de-final, a serem disputadas com apenas 2 competidores na água.

No primeiro heat dos ¼ final foram feitos os dois scores mais altos da prova, mas foi o Luís Coelho ‘Ben’, da Nazaré, com 17,00 pontos, a levar a melhor sobre o Hugo Nunes, com 16,67 pontos. No heat seguinte o João Machado, que se apresentou muito seguro nesta prova levou a melhor sobre o André Cardoso. A seguir, foi o Manuel Centeno que com uma das melhores ondas da prova, levou de vencida o Nuno Pereira ‘Barrela’. No último heat da fase, Silvano Lourenço surfou bem e ganhou ao Tiago Boto.

# 1: Luís Coelho (17,00) vs Hugo Nunes (16,67)

# 2: João Machado (13,50) vs André Cardoso (8,83)

# 3: Manuel Centeno (16,60) vs Nuno Pereira ‘Barrela’ (15,67)

# 4: Silvano Lourenço (13,60) vs Tiago Boto (12,33)

 

A primeira meia-final opôs o Luís Coelho ao João Machado, e acabou por ser este último a obter melhor pontuação e atingir a tão desejada final. A segunda meia-final pôs frente-a-frente os dois últimos Campeões Europeus da modalidade, Manuel Centeno (2008) e Silvano Lourenço (2007). Numa bateria muito disputada, o Manel bateu o Silvano por apenas 1 ponto de diferença.

# 1 João Machado (12,03) vs Luís Coelho (9,67)

# 2 Manuel Centeno (14,33) vs Silvano Lourenço (13,33)


Na grande FINALManuel Centeno (na foto) fez uso de toda a qualidade do seu Bodyboard e foi o grande vencedor da 1ª etapa do Circuito de Bodyboard de Peniche 2009, obtendo a vitória sobre o João Machado, que com uma prova muito segura e regular conseguiu aqui um excelente 2º lugar final.

# Manuel Centeno (15,00) vs João Machado (7,83)


O vencedor Open levou para casa a mini-prancha Refresh Bodyboards, 50,00 Euros de prémio, e ainda 1 semana grátis em Andorra, oferecida pela agência de viagens SlideIn.Travel. O segundo e os terceiros classificados receberam 30 Euros e 20 Euros, respectivamente, bem como troféus oferecidos pela Câmara Municipal de Peniche.


Melhor score: Luís Coelho - 17,00 (10,00+7,00) pontos

Melhor onda: Luís Coelho - 10,00 pontos 


Na entrega de prémios o ambiente foi de boa disposição e alegria entre todos, por uma prova bem disputada, e ainda honrada com a presença do Ex.mo Sr. Presidente da Câmara Municipal de Peniche, António José Correia, sempre ao lado dos desportos de ondas, reforçando a aposta em Peniche - Capital da Onda.

Os grandes parceiros do Circuito de Bodyboard de Peniche são a RIP CURL Câmara Municipal de Peniche  e a agência de viagens SlideIn.Travel . Esta etapa contou ainda com os patrocínios da Refresh Bodyboards e 58 Surf , bem como do Snack-Bar Ambassador, Danau Bar, Peniche Surf Shop e Baleal Shop. 102FM Rádio, Jornal Correio Popular e Jornal de Peniche on-line são os media partners.


Fotos:

1- O 'bowl' de Supertubos durante a prova. (por João Rosa)

2 - António Cardoso, vencedor Junior. (por Pedro Carvalho)

3 - Finalistas Junior: Telmo Soares (4º), Gualter Correia (2º), Daniel Fonseca (3º), António Cardoso (1º). (por João Rosa)

4 - Finalistas Master: Anita Lino (3º), Armindo Boto (2º), André Delgado (1º), Décio Ramos (4º). (por João Rosa)

5 - Manuel Centeno, vencedor Open. (por João Rosa)

6 - Top 4 Open: João Machado (2º), Manuel Centeno (1º), Luís Coelho 'Ben' (3º), Silvano Lourenço (3º). (por João Rosa)

7 - Foto de 'família'. (por João Rosa)